LOGOANIMEFINE.gif

DOSSIÊ COVID NO TRABALHO

logo grande 300 pb.jpg

Maxwel Moreira Moraes


Sindicalista e quadro importante do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) de São Paulo.

Faleceu no dia 26 de dezembro de 2020 

Maxwel Moreira Moraes, militante do PCdoB na região de São Miguel, na zona leste de São Paulo, faleceu no dia 26 de dezembro, um sábado, depois de pouco mais de uma semana internado pela covid-19, no Hospital Municipal de Guaianases. Nascido em São Luís, no Maranhão, Maxuel veio com a família para São Paulo onde estudou e trabalhou. Quando morreu, comemorava a aprovação no exame da Ordem dos Advogados no Brasil (OAB), o que significou para ele e sua família uma grande vitória. 

Os estudos para o exame fizeram com que ele se afastasse da militância  que marcou a sua vida até então, assim cvomo uma longa lista de trabalhos voluntários. Era um dos principais quadros do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) na Zona Leste e em 2020, integrou a

maxwel Moreira Moraes4.jpg

coordenação campanha do também advogado Arnaldo Bispo do Rosário a vereador pelo PCdoB São Paulo.

Vinicius Boim, membro da Comissão Executiva do PCdoB em São Paulo, fala sobre Maxeul conta que Maxwel atuou também no movimento sindical, como parte da diretoria do Sinstraemfa (Sindicato dos Trabalhadores em Entidades de Assistência e Educação à Criança, ao Adolescente e a Família do Estado de São Paulo), quando coordenou a Plenária Municipal de Saúde do Trabalhador de São Paulo, e foi por muitos anos, Conselheiro Gestor do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CRTS) da Mooca. "Ele foi militante ativo do movimento sindical com forte protagonismo na luta em defesa da saúde do trabalhador no Município de São Paulo e também, defensor do SUS", diz. 

Maxuel, presente!

maxwel-card.jpeg

HOMENAGENS

O Sindsep homenageou o companheiro com a distribuição de um e-card (ao lado). Houve também publicações na página do sindicato no Facebook