Pandemia

30 de abril de 2020

Programação das centrais sindicais terá show internacional com participação de Roger Waters

O músico e ativista Roger Waters, ex Pink Floyd, vai participar do 1° de Maio Solidário, a celebração on-line do Dia Internacional do Trabalhador, que este ano tem organização da CUT, centrais sindicais e pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo e acontece na rede mundial de computadores, a partir das 11h30, via Facebook. Ele canta “We Shall Overcome” (nós vamos superar), a emblemática música de protesto de Pete Seeger, hino da militância pelos direitos civis dos negros nos Estados Unidos entre 1955 e 1968. E também manda uma mensagem especial aos trabalhadores do Brasil.

Além de Roger, a programação musical tem a participação dos brasileiros Chico César, Zélia Duncan, Otto, Preta Ferreira,Dexter, Delacruz, Odair José, Leci Brandão, Aíla, Preta Rara, Mistura Popular, Taciana Barros, Francis Hime e Olivia Hime e de mais de 18 artistas, cantores e cantoras convidados pela CUT e mais 22 centrais sindicais da Argentina, Uruguai, Chile, Colômbia, Cuba, África do Sul, Marrocos, Coreia do Sul, Filipinas, Rússia, Reino Unido, Bélgica, França, Espanha, Turquia e Itália.

África do Sul: Chicco Twala feat Nokwezi Dlamini,

Argentina: Víctor Heredia,

Bélgica: Axelle Red,

Brasil: Tico Santa Cruz

Chile: Inti Illimani

Colômbia:  Adriana Lucía

Coréia do Sul: National Council of Workers’s Choirs

Cuba: Arnaldo Rodríguez

Espanha: José A. Rodríguez, Morten Jespersen e Miguel Mª Pérez

Filipinas: Lapis Artists

França: Thibaud Defever

Itália: Modena City Ramblers

Marrocos: Hoba Hoba Spirit

Portugal: Sebastião Antunes & Quadrilha

Reino Unido: Billy Bragg

Rússia: Arkadiy Kots Band

Turquia: Bandista

Uruguai: Valentina Prego, Mónica Navarro, Edgardo Davich Mattioli (La Teja Pride), Maia Castro, Carmen Pi, Marcelo Gamboa (Contra las Cuerdas), Samantha Navarro, Patrícia Kramer y Christian Cary (La Triple Nelson).

Concerto Internacional de Solidariedade

Eles se apresentam no Concerto de Solidariedade Internacional, resultado de uma mobilização realizada por centrais sindicais do mundo todo chamada “Solidariedade entre trabalhadores e trabalhadoras de todo o mundo, com todas as vítimas do trabalho, das pandemias e das guerras e porque a classe trabalhadora não deve pagar por essa crise”.

Para assistir, clique aqui

A PARTIR DAS 11H30

  • Facebook
logotranspmini.gif

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

MÍDIAS

27/março/2020

25/março/2020

25/março/2020

25/março/2020

25/março/2020

09/março/2020

03/março/2020
02/março/2020
21/fevereiro/2020
7/fevereiro/2020
27/janeiro/2020
29/dezembro/2019
11/dezembro/2019

Organização

Associação Brasileira de Advogados e Advogadas Sindicais (ABRAS)

Departamento Intersindical de Estudos e Pesquisas de Saúde e dos Ambientes de Trabalho (DIESAT)

Departamento de Direito do Trabalho e da Seguridade Social da Faculdade de Direito da USP

Produção executiva

Instituto Macuco (www.institutomacuco.com.br)